7 alimentos que ajudam a prevenir o quadro de osteoporose

Osteoporose - Morada Primavera

Conforme envelhecemos, nosso corpo perde a capacidade de absorção de vitaminas e sais minerais. Logo, o resultado de tal processo é a redução da densidade mineral, levando à osteoporose.

Essa doença, que degrada a estrutura óssea e eleva o risco de fraturas, atinge cerca de 10 milhões de brasileiros. Decerto, os números são uma estimativa da Fundação Internacional de Osteoporose (IOF).

De acordo com um estudo da IOF, as mulheres acima dos 50 anos são as que sofrem com a doença, agravada pela menopausa. E mesmo os adultos mais velhos que moram em residencial para idosos em SP – e recebem tratamento adequado – podem sofrer com as consequências da osteoporose.

Osteoporose: causas e sintomas

A desmineralização óssea causada pela osteoporose faz com que os ossos se tornem mais fracos e frágeis. Por consequência, aumentam os riscos de queda do idoso, mesmo com simples movimentos. Nesse cenário, as fraturas relacionadas à osteoporose ocorrem mais comumente no quadril, no fêmur, no punho ou na coluna.

O osso é tecido vivo, que está constantemente sendo renovado e substituído. Contudo, a osteoporose surge quando a criação de osso novo não acompanha a remoção da antiga estrutura óssea.

Sintomas da osteoporose

Normalmente, não há sintomas nos estágios iniciais da perda óssea. No entanto, uma vez que os ossos estão enfraquecidos pela doença, alguns sinais podem surgir, incluindo:

  • Dor nas costas, causada por uma vértebra fraturada ou colapsada
  • Redução da altura corporal ao longo do tempo
  • Postura mais curvada
  • Fraturas ósseas que ocorrem com mais facilidade, mesmo sem movimentos bruscos

Vale lembrar que a osteoporose não tem cura, mas há formas de amenizar o problema. Por exemplo, a prática de exercícios físicos regularmente fortalece os ossos e músculos dos idosos, promovendo a manutenção de peso mais saudável.

Além disso, os idosos que moram sozinhos, com seus familiares ou em residenciais para idosos em SP podem apelar para alguns alimentos muito nutritivos.

Alimentos que ajudam na prevenção da osteoporose

Alimentos como o leite, a sardinha, laticínios com baixo teor de gordura, nozes, produtos de soja, vegetais de folha verde-escura e salmão possuem alto teor de cálcio. Certamente, o cálcio é um dos principais minerais que auxiliam na formação dos ossos.

O leite, por exemplo, é essencial para a manutenção de ossos mais fortes. No caso de quem tem intolerância à lactose, o leite a ser consumido pode ser apropriado para quem sofre desse problema.

A sardinha, a soja e o salmão também são fontes de vitamina D, que permite a melhor absorção do cálcio. Por outro lado, a soja é rica em isoflavona, uma substância com estrutura similar ao do hormônio feminino estrógeno. Então, essa similaridade ajuda os ossos a absorver minerais.

Essa dieta balanceada é importante para a saúde e o bem-estar dos idosos. Por isso, o Residencial Morada Primavera preza pela boa nutrição dos residentes, mantendo uma equipe de nutricionistas experientes em nutrição para a Terceira Idade.

Entre em contato conosco e agende uma visita no Residencial Morada Primavera, uma clínica de idosos na região da Lapa- SP.

Venha nos conhecer!

 

Casa de Repouso Morada Primavera

Casa de Repouso Morada Primavera

A nossa Morada Primavera é uma Casa de Repouso localizada em São Paulo, com estrutura pronta para receber seu familiar. Contamos com uma equipe profissional, qualificada e atenciosa para melhor atendê-lo. Temos Enfermagem 24h, Acompanhamento Médico, Nutricionistas, Terapeuta Ocupacional

Conheça nossa casa de Repouso!

Veja também:

Depressão: um problema silencioso que atinge idosos

Depressão na Terceira idade se tornou um assunto importante associado ao envelhecimento, ou seja, idosos também podem sofrer com depressão. É importante que os familiares

Fechar Menu
WhatsApp Agende sua visita!