O abandono não maltrata apenas o corpo dos idosos

Lar para idosos - Casa de repouso em são paulo

Envelhecer é inevitável. Perder o corpo jovem, a vitalidade, entes queridos e muitas vezes a independência é um processo comum e dolorido no envelhecimento. Assim como também se torna cada vez mais comum o abandono e a solidão que os idosos enfrentam.

Embora a solidão possa atingir pessoas de qualquer idade esse sentimento atinge de forma mais aguda os idosos interferindo inclusive na sua saúde.

Pesquisadores da universidade de Chicago constataram que a solidão pode aumentar o risco de morte em 14% nas pessoas de idade mais avançada, fazendo com que o estresse provocado por essa sensação aumente o estímulo de reações inflamatórias nas células que afetam a produção dos leucócitos responsáveis por defender o organismo contra infecções.

Na universidade de York os pesquisadores concluíram que a solidão aumenta em 29% o risco de doenças coronarianas e em 32% o risco de acidentes vasculares.

Os agravamentos causados pelo sentimento de abandono em idosos e possíveis soluções

O abandono e a solidão sentida pelos idosos pode causar males ao corpo, mas para a mente esse sentimento é devastador.

De acordo com a psicóloga Cecília Fernandes Carmona a solidão pode ser interpretada como “frescura”, excesso de sensibilidade e visto como algo passageiro, quando na verdade é um tema que precisa de atenção e que pode evoluir para depressão levando até ao suicídio.

Diante este risco, alguns países como a Inglaterra, onde 17,7% da população tem mais de 65 anos, já iniciaram programas de combate a solidão.

Na Inglaterra os idosos já contam com um 0800 que recebe ligações constantes de pessoas mais velhas e solitárias querendo conversar. Em 2016 esse sistema recebeu 1.6 mil ligações por dia.

Com o aumento da perspectiva de vida no mundo o número de idosos tende a crescer rapidamente. Com isso medidas de integração social precisam ser empregadas o quanto antes.

De acordo com a gerontóloga Zaida Azeredo, pesquisadora sobre idosos, é urgente a criação de espaços de lazer e centros educativos a longo prazo. Uma pesquisa realizada por ela com 73 idosos frequentadores de centros de convivência foi publicada na revista brasileira de geriatria e gerontologia.

Quando perguntado aos entrevistados como a sensação de solidão poderia ser diminuída 28,8% disseram que com passeios, 16,4% citaram atividades físicas como danças, ginásticas e trabalhos manuais e 15% dos entrevistados disseram que a sensação de solidão poderia ser diminuída com a presença da família\não abandonar o idoso.

Uma outra pesquisa realizada pela enfermeira Renata Alessandra Evangelista, professora da Universidade Federal de Goiás com homens e mulheres de 60 a 92 anos residentes de uma instituição asilar a sensação de abandono.

A solidão e a percepção de estarem excluídos do mundo são queixas frequentes, mas também destacaram pontos positivos como bom relacionamento com outros moradores e a possibilidade de se envolverem com atividades diárias.

Segundo ela em muitos casos os asilos diminuem a sensação de isolamento devolvendo um pouco de alegria ao idoso, onde ele pode encontrar novas amizades, apoio e também proteção e segurança.

Conheça o lar para idosos Morada Primavera

Em nosso lar de idosos as famílias são estimuladas a se manterem sempre em contato com os moradores. Todas as tardes profissionais se dedicam a atividades de recreação.

São atividades como bordado e jogos para a interação entre os moradores e convívio social.

Fale conosco e saiba mais sobre tudo o que podemos oferecer.

Casa de Repouso Morada Primavera

Casa de Repouso Morada Primavera

A nossa Morada Primavera é uma Casa de Repouso localizada em São Paulo, com estrutura pronta para receber seu familiar. Contamos com uma equipe profissional, qualificada e atenciosa para melhor atendê-lo. Temos Enfermagem 24h, Acompanhamento Médico, Nutricionistas, Terapeuta Ocupacional

Conheça nossa casa de Repouso!

Veja também:

fraldas geriátricas

Fralda geriátrica: saiba como usar da melhor forma.

As fraldas geriátricas são projetadas para idosos impossibilitados de executar autocuidado, seja por sofrer de incontinência urinária ou alguma limitação de mobilidade. Atualmente, as fraldas

Fechar Menu
WhatsApp Agende sua visita!