Pneumonia: conheça os riscos dessa doença em idosos

Pneumonia: conheça os riscos dessa doença em idosos

A pneumonia é uma das doenças mais comuns na terceira idade e infelizmente se o tratamento for tardio pode levar a óbito. Veja nesse artigo quais os riscos em idosos e como tratar e prevenir.

Não é nenhuma novidade que diversas doenças ficam mais graves em um indivíduo quando ele está na terceira idade e, entre as doenças mais preocupantes nessa fase é a pneumonia (Streptococcus Pneumonial).

De acordo com o Ministério da Saúde entre os anos de 2015 a 2017, oito em cada 10 mortes pela doença foram em idosos, ou seja, 80%.

Esses óbitos acontecem por diversos motivos como, diagnósticos tardios, doenças crônicas, etc. Por este motivo, é importante entender como age essa enfermidade e como tratar e prevenir.

O que é a Pneumonia de fato?

Quando um agente infeccioso (vírus, fungos, reações alérgicas ou bactérias) se instala nos pulmões “agredindo” a região dos alvéolos pulmonares ocorre à pneumonia.

Entre os principais sintomas da doença podemos destacar tosse com catarro, febre alta, falta de ar, fraqueza entre outras.

Por que essa doença é mais comum em idosos e como os afeta?

Diversos fatores contribuem para que a pneumonia seja mais comum em idosos, sendo:

  1. Idade avançada: pessoas na terceira idade já possuem naturalmente uma imunidade reduzida, desse modo é mais difícil para o organismo lutar contra os agentes invasores;
  2. Doenças crônicas: hipertensão, doenças cardiovasculares, renais, diabetes, entre outras podem agravar o quadro de pneumonia em idosos;
  3. Disfasia: muitos idosos possuem dificuldade para engolir alimentos sólidos e líquidos o que pode causar um refluxo. Todo indivíduo (criança, adulto e idoso) possuem as bactérias da pneumonia na boca, porém, em muitas vezes o organismo consegue reagir e não deixa chegar aos pulmões.

Quando há um refluxo ou por algum motivo essa bactéria consegue atingir a área respiratória manifesta-se a pneumonia. Isso é muito comum também em idoso acamado.

Também podemos citar fatores de risco como, hospitalização frequente, alimentação errada, álcool e tabaco.

Tudo isso faz com que a incidência da pneumonia seja maior na população idosa, ou seja, com um sistema imunológico comprometido é mais fácil a instalação da doença.

Diagnóstico e Tratamento

É válido ressaltar que a pneumonia – quando está em sua fase inicial – nem sempre é possível identificá-la, o que pode agravar ainda mais o caso, pois seu diagnóstico tardio pode ser fatal.

Desse modo, é muito importante ficar atento aos menores sinais de anormalidade no idoso. Se ele apresentar sintomas como:

  • Tosse sem ou com catarro (muco) purulento amarelado ou esverdeado;
  • Febre alta;
  • Dor no tórax;
  • Confusão mental (demência);
  • Falta de ar;
  • Mal-estar generalizado;
  • Fraqueza e cansaço;
  • Toxemia (excesso de toxinas no sangue).

Ao apresentarem esses sinais é imprescindível que o idoso passe por uma avaliação médica com exames clínicos (raio-x tórax, por exemplo), para que a doença seja diagnosticada com precisão.

Caso seja confirmada, em casos mais leves o tratamento é feito por antibióticos, com um quadro de melhora entre duas a quatro semanas.

Em casos mais graves é necessária a internação do idoso para que o tratamento seja feito no hospital com maiores cuidados médicos.

Prevenção para Pneumonia

Assim como outras doenças comuns em idosos com algumas ações e cuidados é possível prevenir não só a pneumonia, mas também outras doenças respiratórias. Cuidados e ações que podem ser tomadas:

  • Tratar corretamente resfriados que podem ser a “porta inicial” para a pneumonia;
  • Consultar médicos regularmente;
  • Boa alimentação;
  • Cuidados com a higiene bucal
  • Não fumar e nem beber álcool;
  • Tomar vacinas para gripe e anti pneumônicas;
  • Não favorecer ambientes com baixas temperaturas que facilitem a instalação de bactérias.

Como uma casa de repouso como o Morada da Primavera pode ajudar na prevenção da pneumonia?

Temos uma equipe de cuidadores, enfermeiros e médico geriatra preparados para cuidar dos idosos.

A casa de repouso Morada da Primavera pode possui cuidados 24h para manter o seu ente com uma ótima saúde e bem-estar. 

Além disso, todos os nossos colaboradores estão disponíveis para tirar eventuais dúvidas dos familiares sobre essa e outras doenças. Entre em contato conosco e conheça nossa estrutura.

Casa de Repouso Morada Primavera

Casa de Repouso Morada Primavera

A nossa Morada Primavera é uma Casa de Repouso localizada em São Paulo, com estrutura pronta para receber seu familiar. Contamos com uma equipe profissional, qualificada e atenciosa para melhor atendê-lo. Temos Enfermagem 24h, Acompanhamento Médico, Nutricionistas, Terapeuta Ocupacional

Conheça nossa casa de Repouso!

Veja também:

fraldas geriátricas

Fralda geriátrica: saiba como usar da melhor forma.

As fraldas geriátricas são projetadas para idosos impossibilitados de executar autocuidado, seja por sofrer de incontinência urinária ou alguma limitação de mobilidade. Atualmente, as fraldas

Cardiologista

Quando procurar um cardiologista?

Toda e qualquer pessoa deve se consultar com um médico rotineiramente, e à medida que a terceira idade se aproxima, o envelhecimento cardiovascular avança. Logo,

Fechar Menu
WhatsApp Agende sua visita!